Campanha Nacional dos Bancários

CAMPANHA NACIONAL DOS BANCÁRIOS: CONFIRA AS PRÓXIMAS ETAPAS

14 May 2024 101 VISUALIZAÇÕES

O Comando Nacional dos Bancários já deu início as mobilizações para garantir os direitos da categoria. A última campanha resultou no acordo da Convenção Coletiva de Trabalho de dois anos, com validade até 31 de agosto de 2024.

Resultou ainda em acordos específicos para os trabalhadores dos bancos públicos: Caixa e Banco do Brasil, ambos também com validade até 31 de agosto deste ano. Portanto, está na hora de nos mobilizarmos para a construção de novos acordos, com mais conquistas e avanços.

“O processo é democrático de ponta a ponta. E ele só faz sentido se você, bancário e bancária, participar ativamente de todas as etapas da Campanha. Somos uma categoria forte e a nossa mobilização e organização nacionais resultam em um acordo coletivo válido em todo o Brasil, que serve de exemplo para a luta de outras categorias de trabalhadores no país. Fiquem atentos e acompanhem os próximos passos”, ressalta Neiva Ribeiro, uma das coordenadoras do Comando Nacional dos Bancários.

Montamos um passo a passo para que você relembre as etapas da Campanha ou, caso esteja chegando agora à categoria, conheça o processo. Vamos lá!

Passo a passo

22 de abril a 27 de maio: Consulta Nacional

A partir de 22 de abril, começa a Consulta Nacional à categoria. O Sindicato disponibilizará no site e demais canais de comunicação o link do questionário. É na Consulta Nacional que os bancários de todo o país apontam suas prioridades para a construção da pauta de reivindicações da categoria, a ser entregue à Federação Nacional dos Bancos – Fenaban (o sindicato patronal) para o início das mesas de negociação.

Na consulta, os trabalhadores opinam sobre os principais eixos de reivindicações: remuneração (índices de reajuste para salários e PLR, por exemplo), saúde e condições de trabalho, emprego, segurança, teletrabalho e igualdade de oportunidades.

25 de maio: 26ª Conferência Estadual dos Bancários de São Paulo

Nesta data, os delegados eleitos reúnem-se em São Paulo para debater as reivindicações dos trabalhadores e trabalhadoras da base da Fetect-CUT/SP. As deliberações dos bancários de São Paulo serão levadas à Conferência Nacional.

Dias 4, 5 e 6 de junho: congressos de bancos públicos

Além da nova CCT (válida para todos os bancários em todo o Brasil), a Campanha resulta também em acordos específicos para os trabalhadores dos bancos públicos: um aditivo do BB e outro para os empregados da Caixa. E as pautas de reivindicações específicas de cada um são construídas nos congressos de cada banco. Assim, nessas datas ocorrem o 34º CNFBB (Congresso Nacional dos Funcionários do Banco do Brasil) e o 39º CONECEF (Congresso Nacional dos Empregados da Caixa).

6 de junho – Encontro Nacional de Bancos Privados

Os trabalhadores de bancos privados, como Bradesco, Itaú e Santander, também se reúnem para discutir questões e reivindicações específicas dessas instituições.

Dias 7, 8 e 9 de junho: 26ª Conferência Nacional dos Bancários

É chegada a hora de os bancários se reunirem para discutir conjuntura nacional, estratégias de mobilização e, principalmente, a pauta da categoria. A pauta é construída a partir das respostas à Consulta Nacional, dadas pelos trabalhadores e trabalhadoras de todo o país.

Entrega da pauta à Fenaban

Uma vez aprovada na Conferência Nacional, a pauta de reivindicações é entregue à Fenaban. Trabalhadores e empresários, então, aprovam um calendário de negociações.

Mesas de negociações

Começam as rodadas de negociação entre bancários e banqueiros. A categoria é representada pelo Comando Nacional dos Bancários – que reúne representantes dos sindicatos de todo o país e é coordenado pela Contraf-CUT (Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro) – e os bancos são representados pela Fenaban.

Paralelamente, ocorrem também as mesas de negociação específicas do BB e da Caixa, para a construção dos acordos aditivos de cada um.

Vamos juntos para mais uma Campanha vitoriosa!

 

Fonte: COM INFORMAÇÕES DO SEEB SP