Coalizão em Defesa do Sistema Eleitoral chancela 1º turno

05 Oct 2022 68 VISUALIZAÇÕES

A Coalizão em Defesa do Sistema Eleitoral, da qual a Confederação Nacional dos Trabalhadores no Ramo Financeiro (Contraf-CUT) faz parte, lançou nota pública em que reconhece a integridade da Justiça Eleitoral e os resultados do primeiro turno das eleições. A manifestação também é apoiada por organizações da sociedade civil que não integram a Coalizão. Ao todo, são 62 assinaturas.

O documento reafirma “a confiança na integridade do processo eleitoral” e “a credibilidade nas urnas eletrônicas”, além de “celebrar, mais uma vez, a democracia brasileira”, que se sustenta “a despeito de tantos ataques, questionamentos infundados, ameaças de ruptura, violências e discursos de ódio”. Confira, a seguir, a íntegra da carta.

Nota Pública da Coalizão
em Defesa do Sistema Eleitoral

As entidades abaixo indicadas, muitas das quais integrantes da Coalizão em Defesa do Sistema Eleitoral, à vista da divulgação dos resultados do primeiro turno das eleições gerais de 2022, vêm a público:

1) Expressar o pleno reconhecimento da validade dos resultados divulgados pelo Tribunal Superior Eleitoral;

2) Reafirmar a confiança na integridade do processo eleitoral, em todas as suas etapas, conduzido de forma transparente, democrática e competente pelo Tribunal Superior Eleitoral e por todas as forças sociais que colaboraram para a sua realização;

3) Reiterar a credibilidade nas urnas eletrônicas e no sistema eletrônico de votação, por sua segurança, alto grau de desenvolvimento tecnológico, transparência e auditabilidade;

4) Celebrar, mais uma vez, a democracia brasileira que, a despeito de tantos ataques, questionamentos infundados, ameaças de ruptura, violências e discursos de ódio, superou mais uma etapa, permitindo a manifestação da vontade soberana do povo.

Brasil, 03 de outubro de 2022.

Assinam a nota:

1) Advogados e Advogadas Públicos para a Democracia – APD

2) ANDES – Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior

3) Articulação dos Povos Indígenas do Brasil – APIB

4) Asociación Latinoamericana de Abogados y Abogadas Laboralistas – ALAL

5) Associação Americana de Juristas – AAJ

6) Associação Brasileira de Economistas pela Democracia – ABED

7) Associação Brasileira de Estudos do Trabalho – ABET

8) Associação Brasileira de Juristas pela Democracia – ABJD

9) Associação Nacional das Defensoras e Defensores Públicos – ANADEP

10) Associação de Juristas Pela Democracia – AJURD

11) Associação Juízes para a Democracia – AJD

12) Associação Mundial de Rádios Comunitárias – AMARC

13) APUBHUFMG+ – Sindicato dos Professores

14) Carreiras Públicas pelo Desenvolvimento Sustentável – ARCA

15) Central da Classe Trabalhadora – Intersindical

16) Central do Servidor – PUBLICA

17) Central dos Sindicatos Brasileiros – CSB

18) Central Sindical e Popular CONLUTAS

19) Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil – CTB

20) Central Única dos Trabalhadores – CUT

21) Coalizão Negra por Direitos

22) ColetivA Mulheres Defensoras Públicas do Brasil

23) Coletivo Defensoras e Defensores Públicos do Brasil

24) Coletivo Transforma MP

25) Comissão Brasileira Justiça e Paz – CBJP

26) Comissão de Justiça e Paz DF – CBJ/DF

27) Comissão Pastoral da Terra – CPT

28) Comitê em Defesa da Democracia e do Estado Democrático de Direito

29) Confederação Nacional de Igrejas Cristãs – CONIC

30) Confederação Nacional dos Trabalhadores Rurais e Agricultores e Agricultoras Familiares – CONTAG

31) Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro – CONTRAF-CUT

32) Confederação Nacional dos Trabalhadores no Comércio e Serviços – CONTRACS

33) Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação – CNTE

34) Caoeste – Conferência Americana de Organismos Eleitorais Subnacionais pela Transparência Eleitoral

35) Federação Nacional dos Estudantes de Direito – FENED

36) Federação Nacional dos Trabalhadores do Poder Judiciário da União e do Ministério Público da União – FENAJUFE

37) Federação Única dos Petroleiros – FUP

38) Força Sindical

39) Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação – FNDC

40) Fórum Social Mundial Justiça e Democracia – FSMJD

41) Grupo Prerrogativas

42) Grupo Nuances pela Livre Expressão Sexual

43) Instituto de Arquitetos do Brasil – IAB

44) Instituto Brasileiro de Direito Urbanístico – IBDU

45) Instituto de Estudos Socioeconômicos – INESC

46) Instituto de Pesquisa e Estudos Avançados da Magistratura e do Ministério Público do Trabalho – IPEATRA

47) Marcha Mundial pelo Clima

48) Marcha Mundial das Mulheres

49) Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra – MST

50) Movimento dos Trabalhadores Sem Teto – MTST

51) Movimento Policiais Antifascismo

52) Nova Central – NCST

53) Plataforma pela Reforma do Sistema Político

54) Sindicato dos Advogados de São Paulo – SASP

55) Sindicato dos Bancários de Brasília

56) Sindicato dos Bancários de São Paulo

57) Sindicato dos Docentes do CEFET-MG

58) Sindicato Nacional dos Servidores do IPEA – ANFIPEA

59) SINASEFE – Sindicato Nacional dos Servidores Federais da Educação Básica, Profissional e Tecnológica

60) Sindicato dos Técnicos de Nível Superior das Instituições Federais de Ensino Superior – ATENS

61) União Geral dos Trabalhadores – UGT62) Viva Rio

Fonte: CONTRAF