GERAL

Curso de Vigilância e Atenção à Saúde dos Trabalhadores debate normas e arcabouço legal

20 Jul 2023 64 VISUALIZAÇÕES

O segundo módulo do Curso de Vigilância e Atenção à Saúde do Trabalhador, organizado pela Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT), foi realizado na tarde desta quarta-feira (19). O evento, no formato online, teve como eixo central aula da advogada Leonor Poço, assessora jurídica do Sindicato dos Bancários de São Paulo, que se concentrou nos aspectos jurídicos relacionados à saúde e condições de trabalho na Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) da categoria bancária, nos Acordos Coletivos de Trabalho (ACT), nas Normas Regulamentadoras (NRs) e nas Convenções da Organização Internacional do Trabalho (OIT). Veja aqui os principais pontos.

Para o secretário de Saúde da Contraf-CUT, Mauro Salles, “ao abordar o arcabouço legal que garante direitos para efetivar a vigilância, fiscalização e promoção da saúde, a dra. Leonor Poço forneceu suporte técnico e político para a ação sindical nos ambientes de trabalho, e isso torna-se mais relevante neste momento em que vemos o aumento do número de adoecimentos relacionados ao trabalho, principalmente adoecimento psíquico”.

O secretário de Formação da Contraf-CUT, Rafael Zanon, ressaltou que “a grande participação de dirigentes mostra a importância do curso, que tem sido fundamental para sistematizar o conhecimento e aprimorar as ferramentas para as entidades sindicais atuarem no setor e aprofundar a luta em defesa da saúde do trabalhador”.

O ciclo, que ainda terá dois outros módulos (veja detalhes abaixo), visa o aprimoramento da formação de dirigentes sindicais da categoria nos temas de saúde ocupacional e seus desdobramentos.

Módulo 1

O curso começou em 28 de junho, em modo presencial, no auditório da Contraf-CUT, em São Paulo. A médica e pesquisadora da Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho, Maria Maeno, conduziu as reflexões sobre vigilância em saúde do trabalhador.

A segunda aula, no dia seguinte, teve como tema a saúde no contexto do trabalho bancário, ministrada pelo psicólogo André Guerra, doutor e mestre em Psicologia Social e Institucional. O evento promoveu reflexão sobre os desafios enfrentados pelos trabalhadores no ambiente bancário e a importância da saúde física e mental nesse contexto.

Os encontros contam sempre com debates e trocas de experiências entre os participantes. As próximas etapas acontecem dia 23 de agosto, com o módulo “Organizando a ação” (online), e nos dias 19 e 20 de outubro, para as duas últimas aulas (presenciais), com os temas “Vigilância em Ação” e “Acolhimento dos Trabalhadores”.

 

Fonte: CONTRAF