Banco do Brasil
BMB
Bradesco
CEF
Itau
Santander

Ato chama a atenção da população para exploração dos bancos

30 Sep 2016 23 VISUALIZAÇÕES

Na manhã desta sexta-feira, 30 de setembro, 25º dia da greve dos bancários, o Sindicato realizou um ato chamando a atenção da população para a necessidade de a sociedade de unir à luta da categoria, contra a exploração sistemática dos bancos, que lucram milhões explorando cidadãos e seus funcionários.

“A população precisa estar ao lado dos bancários, pois os bancos vivem de explorar seus trabalhadores e os usuários do sistema bancário. Se negam a pagar salários dignos, mas cobram tarifas altíssimas dos clientes e não oferecem atendimento decente. Não é certo pagar tarifas tão altas e ficar horas na fila só para pagar um boleto”, afirmou o diretor do Sindicato Reginaldo Mogno de Carvalho, acrescentando que as taxas cobradas pelos bancos cobrem toda sua folha de pagamentos e ainda sobra.

“Os bancos vivem na contramão da crise, porque para eles não tem crise. Eles aumentam as taxas e a população é obrigada a pagar, para ficar sem ser atendida direito. Por outro lado, eles só demitem, não contratam. Isso acaba sobrecarregando o funcionário. Por isso, pedimos o apoio da população, pois nossa campanha, pois a nossa luta não reivindica apenas aumento salarial”, completou.

Para finalizar o diretor do Sindicato Fernando Baessa informou que a sobrecarga de trabalho gerada pelas demissões e exigência pelo cumprimento de metas é o responsável pelo fato de a categoria bancária ser uma das que mais faz uso de medicamentos controlados.